sábado, 17 de dezembro de 2011

Esqueceram de Mim (Home Alone, 1990)

Em clima de Natal, o filme "Esqueceram de Mim" está na minha lista de favoritos e o texto abaixo tirou as palavras da minha boca:


"Muito acima de promover apenas o entretenimento ao público, o cinema planta sementes que se se fertilizam em nossa memória e coração por tempo indeterminado, dando uma amostra de que o que esta arte providencia ao público passa muito além que uma sessão de divertimento que se evapora com o subir dos créditos finais. Utilizo esta metáfora para ilustrar a idéia dos filmes marcantes, pois certamente, não apenas os que lêem esse texto, mas todos têm aquele filme em particular que, mesmo após muitas visitas, continua a encantar e divertir como se fosse a primeira vez.

Geralmente, essas obras aparecem enquanto somos crianças, durante nossas sessões vespertinas, e mesmo que não contenham perfeitos atributos cinematográficos, estes filmes te cativam e te divertem o quanto for necessário. Esqueceram de Mim é certamente um de meus filmes favoritos da infância, pois além de provocar uma perfeita nostalgia, esta obra ainda consegue ser carismática e emocionante, provando que as idades, tanto de quem assiste quanto da película em questão, não são empecilhos quando se gosta realmente de um filme. Esqueceram de Mim é um dos filmes mais famosos da década de 1990, que trouxe alegria para as telas de todo o mundo, e aqui no Brasil, ganhou destaque nas sessões da tarde na TV aberta.

Se fosse lançado hoje, provavelmente seria mais um filme qualquer disperso no meio de vários títulos, em decorrência de sua trama por vezes simplória. Mas, e daí? O que interessa mesmo é que ele foi lançado durante um período em que as pessoas prezavam mais o coração dos filmes, que seus atrativos estéticos, dito isso, Esqueceram de Mim é, não apenas para mim, mas para muitos e muitos, um dos filmes mais cativantes e marcantes já feitos. É delicado, singelo e agradável em um mesmo patamar, além de ser um entretenimento viável não apenas para as crianças, mas para todos os adultos, como um programa inofensivo, ainda sim atrativo e extremamente saboroso.

A trama de Esqueceram de Mim é simplória, porém toda sua beleza e magia advêm justamente da simplicidade desta, pois se trata de um maravilhoso conto de natal, narrado com uma notória pureza infantil. Kevin McCallister (Macaulay Culkin) é um garoto esperto e sapeca, que foi acidentalmente esquecido em casa durante a pressa da família ao embarcar a sua viagem de fim de ano. Sozinho em casa, o garotinho aproveita tudo para fazer o que mais desejou, sem a observação dos mais velhos, é então que dois bandidos escolhem sua casa para realizar um furto, e ele precisa arquitetar uma maneira de como receber esses “visitantes”.

Esqueceram de Mim apresenta um ângulo inocente de uma criança sobre o dia mais mágico do ano, a vida de Kevin é revirada quando é esquecido por sua família em casa, logo numa época em que se torna impossível se passar sem a família. É divertido e ao mesmo triste, servindo para apresentar que só mesmo a união pode promover a verdadeira e satisfatória felicidade. É uma linda mensagem que é válida não apenas no natal, mas a cada dia de nossas vidas, pois a família é nosso grande alicerce, que deve ser sustentado durante qualquer dia do ano, seja ele especial ou não.

Chris Columbus acertou em cheio ao se apoiar no belíssimo roteiro de John Hughes para construir uma das obras mais ternas que se tem notícia. Esqueceram de Mim foi um sucesso comercial inegável, concretizando sua doçura e carisma no coração de muitos e continuando ainda, sendo o maior êxito em números da carreira de Hughes (como roteirista e produtor) e a catapulta a colocar o nome de Columbus a um enorme reconhecimento, que viria a render seu nome numa das franquias de maior sucesso da história do cinema, ao comandar a direção dos dois primeiros capítulos de Harry Potter.

Esse sucesso que Esqueceram de Mim arrecadou, garantiu a ele mais três seqüências, obviamente sem a qualidade presente no primeiro filme, ainda assim seu segundo capítulo, além de trazer o mesmo elenco e direção para sua produção, conseguiu ser agradável e igualmente divertido. Esqueceram de Mim é, trocadilhos a parte, um filme inesquecível, que propagou sua magia e ternura por toda uma geração, que não apenas cresceu com ele, mas até hoje guarda-o com carinho e estima, tanto na memória quanto no coração."

Por Júnior Souza, em 23/04/2011



.

Nenhum comentário: